Qualquer gordo tem Blog

16/10/2009

Pegadinhas do Mallandro…Rá!

Pegadinha do Mallandro1: Nu pedagógico.

No final do mês passado o presidente do Sindicato de  Especialistas de Educação do Magistério Oficial do Estado de São Paulo (literalmente “U DEMO”), Luiz Gonzaga de Oliveira Pinto (podem fazer todos os tipos de trocadilho com o sobrenome do tio. Eu deixo) prometeu o chamado “nu pedagógico” em frente a Secretaria de Educação do Estado de São Paulo, a fim de  “mostrar a nudez do governo atual com relação à educação”.

De imediato, várias pessoas se manifestaram contrárias ao protesto. O PCO em seu site foi radicalmente (novidade) contra, afirmando que os professores em vez de tirarem a roupa deveriam “organizar a luta da categoria contra as medidas do governo de forma totalmente independente desta burocracia desmoralizada”. Eu ia escrever que o PCO estava com medo dos professores e diretores de escola tomarem deles o troféu de “grupo organizado mais ridículo”, mas eu pensei melhor e ví que o melhor jeito de ridicularizar o PCO é deixá-lo se expressar.

Por falar em ridículo, quem também ficou com medo perder um troféu foi a escritora Fernanda Young. O troféu no caso era o de “Coroa-pelada-metida-a-inteligente-mais-ridícula-do-país”, que poderia parar nas mãos de alguma tiazinha que participou do protesto. Se bem que as tiazinhas ainda teriam um motivo nobre para tirar a roupa ao contrário dos migués da Young.

São Pedro também fez sua parte e mandou uma bruta chuva e um frio de lascar pra ver se além de desanimar as tias e os tios a tirarem a roupa desanimaria também as primas da Augusta e da Waldemar Ferreira e os primos do Trianon e do Jóquei Clube.

No frigir dos ovos (com trocadilho, por favor) o tal “nu pedagógico” não passou de mais uma pegadinha do Mallandro (rá!). Em vez de ficarem como veio ao mundo (haja vista que muitos já estavam carecas e banguelas), os tios colocaram um avental com um corpo desenhado de frente e verso com umas folhinhas de parreira nos locais estratégicos (será que nos livros de anatomia que o Serra distribui os corpos vem com folhinhas?).

Tente adivinhar quem é a tia que tem a bunda na frente

Tente adivinhar quem é a tia que tem a bunda na frente

Nada mais adequado, afinal de contas o governo do estado vem há muito tempo aplicando “pegadinhas do Mallandro” nos professores e diretores da rede estadual. Uma delas foi aplicar uma prova mal formulada para os professores temporários (isso só já é uma pegadinha) e depois culpá-los pelo mal desempenho. Isso sem falar em outras pegadinhas (livro com palavrão, baixos salários, maus resultados no Saresp, ENEM…)

Eu só não entendi uma coisa: Se o Paulo Renato já sabia que iria rolar algo relacionado a “nu” bem nas suas fuças, por que não tomou nenhuma atitude a respeito? (tanto de dar um reajuste decente aos docentes quanto mesmo de descer o sarrafo nos “pelados”)  Desse jeito fica a impressão de que o secretário gosta de ver homem pelado!

Dá você também uma desculpa qualquer pra sua mulher e vem pra cá pra República depois do serviço

"Dá você também uma desculpa qualquer pra sua mulher e vem pra cá pra República depois do serviço."

Pegadinha do Mallandro 2: Baloon boy

Concorre a maior pegadinha do Mallandro do ano. Como disse o @rodrigodavid no Twitter a CNN ontem tava parecendo o programa do Datena: “Vai lá Águia 1, fecha no balão prateado! Cadê a mãe desse menino?”. Tanto buzuzu em cima do moleque e o capetinha escondido no porão, rachando o bico da cara de todo o mundo. Isso é falta de um bom “sacode pedagógico” para aprender a não fazer arte.  Mal aconteceu essa treta toda já descobriram o fedelho cantando rap em um seriado da ABC. Suspeita de viral. Nome do moleque: Falcon. Realmente tem gente bem melho do que eu fazendo humor por aí.

pegadinha-do-mallandro

PS1: Pode não ter rolado ninguém pelado na República no tal “nu pedagógico”, mas na Peruada é bem provável.

PS2: Já acharam o balloon boy, mas o Quanto Tempo Dura quer saber: já acharam a Balloon Girl?

Anúncios

Pauta mole 2

Filed under: Uncategorized — opoderosochofer @ 14:32
Tags: , , , , , ,

bois

Desse jeito ficadifícil convenceras pessoas de que Guarulhos não é interior. Por favor, leitor de Presidente Prudente, Marília, Assis ou Botucatu, algum de vocês já viu uma cena insólita dessa na cidade de vocês? Deve ser alguma ação do vereador Wagner Freitas para promover a volta dos rodeios à cidade.

09/10/2009

Top 10 motivos para fazer as Olimpíadas no Rio em 2016

Devo confessar que eu torci um pouco contra o Rio na escolha da sede para as Olimpíadas de 2016. Não por ter alguma coisa contra o Rio, pelo contrário. Foi pelo bem da própria cidade, pois se as Olimpíadas fossem uma coisa tão boa não teria tanta rejeição em Chicago e em Tóquio. Depois de saber então que quem cuidou do Pan iria cuidar das Olimpíadas, fiquei mais desesperado ainda. Mas depois de escolhido o Rio eu pensei um pouco melhor e vi que não haveria cidade melhor para se fazer os jogos do que a Cidade Maravilhosa. E é por isso que eu resolvi elencar:

10 motivos para se fazer as Olimpíadas no Rio

fernandinho_beira_mar_1
1 – O Rio será a cidade mais segura do mundo
Para quê deixar a segurança nas mãos dos amadores da Polícia e da Força Nacional. Para fazer a segurança da cidade durante os jogos, nada melhor que os próprios traficantes, que a bem da verdade sempre mandaram na cidade, tem um armamento melhor que o do Exército e são a garantia de que nenhum terrorista internacional vai fazer nenhum “Munique’72” em terras tupiniquins (um fornecedor jamais vai arrumar encrenca com seu cliente). Se por acaso a situação apertar, é só pedir ajuda para São Paulo que não está muito atrás.
Away2 – É uma oportunidade do carioca mostrar a sua hospitalidade
Porque não existe povo mais hospitaleiro que o carioca. Mal você chega no Rio, já aparece um carioca para carregar sua mala. Outro para carregar sua carteira, outro pra carregar seu relógio, outro pra carregar seu celular, seu tênis…
jumento
3 – A festa de abertura será inesquecível
Marcelo D2 acenderá a tocha que será conduzida por toda a cidade pelo, devidamente escoltado, ilustríssimo apresentador Wagner Montes . Caso chegue vivo até a pira haverá o acendimento da mesma e  a execução do Hino Nacional cantado pela Vanusa. Caso ela não consiga aprender a letra, no decorrer desses 7 anos, será substituída por Agnaldo Timóteo. A seguir show dos MCs Gorila e Preto com a presença do mascote que será ou o Zé Carioca ou o maconheiro Capitão Presença. O Manoel Carlos vai até fazer uma novela especialmente para as Olimpíadas. Zé Mayer (foto) fará o papel de um atleta do salto com vara.

tchutchucas4 – Oportunidade de ver as atletas “mais à vontade”
Haja vista o calor que faz na cidade e o fato das esportistas estarem longe de seus países e mais carentes. A menos que alguém aí queira ver Usain Bolt, Tyson Gay… A propósito, agoraque eu descobri porque que o Usain corre tanto. Se tivesse um gay que fosse o Tyson correndo logo atrás de mim eu também sairía a milhão, comendo poeira.
Mancuso5 – Mais um mote para zuar os argentinos
Afinal de contas as primeiras Olímpiadas da América do Sul não vão ser em Buenos Aires. Se na última olimpíada eles já tinham ganhado menos medalhas que nós, conosco sediando não vai dar nem graça. Com a vinda de todo o tipo de gente para o Rio, inclusive de argentinos, poderá se tirar uma antiga dúvida: Quem é mais arrogante? O portenho, o carioca, o gaúcho ou o paulista, que não tem mais o que fazer e fica arrumando intriga com as pessoas que vem de fora.
Tirado do "Extra"6 – Os gringos vão descobrir que não tem macaco no Rio
Ao contrário do que aparece naquele episódio de “Os Simpsons” ou naquele filme “Turistas”(foto). Segundo os próprios cariocas, existem algumas cotias na Tijuca, algumas vacas no Leblon e uns veados na Cinelândia e mais nenhum outro bicho. Só espero que os gringos não confundam a Floresta da Tijuca com a Amazônia.

Antes

Antes

Depois

Depois

7 – As cariocas vão poder provar que não são fáceis

Ao contrário daquele guia turístico que foi distribuído na gringa, que classificava as como “popozudas” ou “neo-hippies”, as cariocas não são putas. Putas são as mães dos cornos que trouxeram o Pan para o Brasil, superfaturaram tudo e gastaram nosso dinheiro e também dos viados que administraram a cidade nos últimos anos
Leci Brandão8 – A Leci Brandão vai comentar os jogos
Segundo Marco Luque, a premiação vai ser ao estilo da apuração das escolas de samba. Fico imaginando como vão ser dadas as notas na Ginástica Artística: “República Democrática da Romênia – nove e meio”, “República Popular da China – deixxxxxxxxxxxxxxx!”  Comentários também de Moisés da Rocha, Ivo Meirelles e Jorge Perlingeiro.
haha9 – Uma chance para os cariocas zuarem os paulistas
Porque aquela história de “praia de paulista é o Rio Tietê”, “podia ser pior, podia ser São Paulo” já ficou muito manjada. Já tava na hora de o carioca ter motes mais interessantes para zuar os paulistas do que o clima, a praia ou o sotaque.
10 – Uma chance para esse blogueiro queimar a lingua
Sim, porque eu estou falando um monte, zuando pra caramba, mas a verdade é que conheço muito pouco o Rio, adoraria conhecer melhor a cidade e se daqui a sete anos eu conseguir um preço camarada, gostaria de prestigiar esses jogos olímpicos, que, se não houver roubalheira, será um evento de suma importância para a nossa nação.

E chega de bairrismo, porque isso é uma coisa muito feia que algum carioca deve ter inventado.

08/10/2009

FUVEST não vai mais aceitar o ENEM: F*deu!

1) Leia atentamente o texto abaixo para responder a questão:

Um indivíduo A se planeja durante o ano inteiro para fazer uma prova E em uma data x, dado que os vestibulandos que são sérios são organizados e se planejam. Com a prova E, o indivíduo A, oriundo de escola pública ganhará um bônus de 6% em um dos vestibulares mais concorridos do país (que aqui chamaremos de F), e não precisará prestar a segunda fase do vestibular da Federal a qual ele vai prestar também. Na semana da prova E, um indivíduo y rouba um de seus exemplares e ameaça vendê-lo para um jornal z, provocando assim o seu adiamento e a sua não utilização em F. O indivíduo A:

a) Culpa o Ministro por ter feito uma licitação e arriscado colocar um consórcio inexperiente como responsável pela prova só por ter oferecido um preço menor

b) Culpa a Cesgranrio (que fazia a prova até esse ano) e a CESPE por terem desistido da licitação

c) Culpa a gráfica da Folha por contratar qualquer um e não colocar câmeras de segurança em todas as suas instalações

d) Culpa o Felipe Pradella por ter tentado vender a prova para o jornal ( a troco de quê?) em vez de ter te feito aquele precinho camarada

e) Manda E, F, x, y e z pra PQP e resolve fazer esse ENEM aqui

Boa Prova (Boa Sorte é pra quem não estudou)

02/10/2009

Cascão manda Sujismundo tomar banho.

Filed under: Uncategorized — opoderosochofer @ 17:39
Tags: , , , , , , , , , , ,

Tirado do Yahoo Notícias, que você pode conferir aqui.

Ministro da Educação entre 1995 e 2002 – sua gestão criou o Enem – e atual secretário de Estado da Educação de São Paulo, Paulo Renato Souza acredita que a inexperiência do consórcio que aplicaria a prova deste ano permitiu a falha de segurança e o vazamento (…) Para Paulo Renato, com a adoção do Enem nos critérios de seleção dos vestibulares das universidades federais “a prova passou a ter um valor econômico e social muito importante, aumentando a tentação da fraude.”

A experiência do Sr. Paulo Renato de Souza é a de distribuir livros inapropriados para menores de idade só para beneficiar distribuidoras que são clientes do seu escritório de consultoria

Aí vem o Gilberto Dimenstein, membro do Conselho Editorial da FOLHA,  dar mais pitaco ainda:

O vazamento da prova do Enem (Exame Nacional de Ensino Médio) mostrou que o MEC (Ministério da Educação) não estava devidamente preparado para a aplicação do teste, marcado para o próximo fim de semana, diz Gilberto Dimenstein, membro do Conselho Editorial da Folha e colunista da Folha Online.

O jornalista ressalta neste podcast que adiamento da prova anunciado nesta quinta-feira é um caso atípico. Ele lembra que há tempos universidades como Unicamp (Universidade de Campinas), USP (Universidade de São Paulo), entre outras, têm conseguido de forma segura evitar o vazamento.

De fato, até onde eu sei, nunca houve nenhum caso grave de vazamento na FUVEST  e na COMVEST. No caso do ENEM, a principal suspeita do vazamento é a grafica que imprimiu as provas e adivinhem de quem ela é sócia.

Confiram o que o Dimenstein disse no podcast da FOLHA.

PS1: Não estou isentando O Haddad de responsabilidade alguma. É fato que em vestibulares tradicionais não se tem notícias de fraude (já em concursos isso é mais comum). Será que acontecem e a gentenão fica sabendo ? Também nunca ouvi falar nas empresas que montaram esse consorcio responsável pela prova desse ano. Como é que a Cesgranrio, a CESPE e outras fundacões tradicionais na elaboração de vestibulares não ganharam a licitação desse novo ENEM?

PS2: Depois de vazada, o MEC resolveu desponibilizar a prova na íntegra. Quem quiser pode conferir a prova do ENEM cancelada aqui.


Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: